Fui Futurar no SAPPHIRE NOW. — Beia Carvalho — Palestras

Quer ficar por dentro do futuro? Fácil. Deixe seu email e receba os super artigos da Futurista Beia Carvalho 😉

 
2 de junho de 2017

Fui Futurar no SAPPHIRE NOW

Beia Carvalho: Muito Prazer, Leonardo!

Negócios, Tecnologia e Transformação Digital

Uma das coisas que piram a cabeça da gente é pensar que há 10 anos atrás o mundo passou a ter mais aparelhos conectados do que gente.

E que daqui a apenas 3 anos, 2020, vamos ter mais de 6 coisas conectadas por pessoa. Mas se você considerar que muitos dos 7 bilhões de habitantes nem tem acesso a nada, a gente pode falar em pelo menos 1 dúzia de coisas conectadas por pessoa. E a gente não tá nem falando mais só de smartphones. A gente tá falando de coisas que recebem e emitem informações.

Então, você começa a ver que a IoT (Internet das Coisas) passa a ter outro peso, num futuro muito próximo. Tão próximo que dá até nervoso. Essas conexões em rede entre dispositivos, pessoas, processos e dados (IoT) foi uma das realidades que o Sapphire Now esfregou na minha cara.

Beia Carvalho compreendendo tudo de Tecnologia

É muito difícil expressar grandiosidade. Quem já tentou mostrar a imensidão do Grand Canyon ou das nossas Chapadas sabe do que estou falando.

Bill McDermott entrando para seu keynote, no Sapphire NOW 2017. Note o imenso auditório sem paredes.

Já participei de eventos com 12.000 pessoas, mas estávamos sempre divididos em salas e auditórios. O Sapphire Now 2017 tem quase o dobro da maior conferência que compareci, sem paredes, sem salas. #tudojuntoemisturado.

Orange County Convention Center, Orlando, EUA

Vamos aos números, para ver se eles expressam mais que minhas fotos e vídeos deste evento que reuniu o mercado internacional para discutir estratégias para a transformação digital.

20.126 participantes, 91 países diferentes, 996 sessões, 792 mil pessoas alcançadas e 5.912 reuniões de negócios!

Três destas reuniões com clientes da SAP foram capitaneadas por mim.

Beia Carvalho entrevistou o cliente SAP Adolfo Salvatierra, CIO das Empresas Carozzi, do Chile, um dos maiores conglomerados alimentícios da América Latina, no Media & Analyst Center, SAPPHIRE NOW 2017

Com Tom Pollock, CIO da Northern Gas Networks, ouvi como a transformação digital está impulsionando a empresa líder em distribuição de gás, no Reino Unido. E de como Leonardo, a nova “caixa de ferramentas” da SAP está abrindo horizontes deste cliente em relação a novos negócios. “Ficamos à prova do futuro”.

Com Adolfo Salvatierra, CIO das Empresas Carozzi, do Chile, o papo em espanhol misturado com inglês parecia não querer ter fim. Carozzi é um dos maiores conglomerados alimentícios da América Latina, com mais de 10.000 funcionários e exportando para 30 países no mundo. Na América Latina só não exporta para o Brasil. “Concorrência fortíssima!”

E por fim, como dizem os gringos, “last but no least”, entrevistei o CEO da Aché Laboratórios, Paulo Nigro, num Facebook Live.

Beia Carvalho entrevistou o CEO da Aché Laboratórios, Paulo Nigro, num Facebook Live. E você pode assistir à entrevista já legendada em português

E você pode assistir à entrevista completa, já legendada em português. Paulo falou de Longevidade, da entrada da empresa nos suplementos nutricionais (nutraceuticals) e dos investimentos da Aché que pavimentarão sua visão de futuro para a globalização da empresa. Também para a Aché, o próximo passo tem a ver com as ferramentas de Machine Learning e Inteligência Artificial.

Vídeo mais visto, com mais likes, mais comentado e mais compartilhado do evento

Meu Facebook Live com Paulo Nigro, CEO Aché, é o vídeo mais visto, com mais likes, mais comentado e mais compartilhado do evento, na fanpage da SAP. E eu estou pisando nas nuvens com esses dados.

Por que estas reuniões foram um divisor de águas para mim? Porque em cada uma dessas entrevistas pude ver como esses visionários empresários tomaram o caminho de querer entender, acolher e faturar com as novas tecnologias como IoT, Inteligência Artificial, Machine Learning e Blockchain, por exemplo.

Impressão 3D Industrial

A programação contou com performances, apresentação de cases, palestras, ações de networking e educação com o grande tema: como e com qual velocidade vamos transformar os nossos negócios para a Era Digital.

Industrial 3D Print, Sapphire Now 2017

Exemplos de impressão 3D, aplicativos para a indústria da Moda e dos carros sem motorista como o e SAP Vehicle Insights app e a parceria entre a espanhola SEAT, a Samsung e SAP em busca de “um novo conceito para o carro conectado.”

Stand no Sapphire Now 2017 exemplificando como a ferramenta de Machine Learning do SAP Leonardo catapulta o conhecimento dentro do mundo da moda.

Mas vamos falar do social, do networking. Foram 3 dias intensos e 3 coquetéis fantásticos. O melhor foi o primeiro, petit comité com os 30 Influenciadores internacionais da SAP. Um dos muitos influencers que me cativaram foi Jim Harris, um canadense mega acessível todo interessado nos meus temas de palestras. Quando fui guguei o nome dele, vi que ele era uma super figura do mundo da Inteligência Artificial com mais de 200 mil seguidores no Twitter! Uma sumidade, ali, tomando um espumante comigo, no David’s Bar

Futurista Beia Carvalho e Pam Dunn, diretora do programa global de influenciadores da SAP, no Influencer MKT Program Cocktail, SAPPHIRE NOW 2017
Da esquerda para direita, o analista industrial Dion Hinchcliffe, da ZDNet; Global Social Media Influencer, Jim Harris; Palestrante Futurista Beia Carvalho; Penelope, SAP; CEO da Bloor Group , Eric Kavanagh; diretora do programa global de influenciadores da SAP, Pam Dunn e a Chefe do Influencer Marketing, Amisha Gandhi, no Influencer Cocktail, SAPPHIRE NOW 2017.

E pude trocar outras figurinhas no decorrer dos 3 dias com Pam Dunn, a diretora do programa global de influenciadores da SAP, Timo Elliot, Global Innovation VP da SAP, Sylvia Santelli, Digital Marketing SAP, Tamara McCleary CEO da Thulium.co, os analistas industriais Dion Hinchcliffe, Eric Kavanagh, CEO da The Bloor Group e Maribel Lopez, analista de tecnologia.

E a noite de Despedida com Maribel Lopez, analista de tecnologia, Pam e Amisha, do program de Influenciadores SAP.

E a minha selfie com a Arianna Huffington?

No encontro com a Arianna Huffington, a coisa mais importante que ela falou foi que temos que nos desconectar para nos reconectarmos com nós mesmo e depois estarmos tinindo para nos conectarmos melhor com o mundo! À frente de sua nova empresa, ela anunciou a parceria da Thrive Global com a SAP para promover o bem-estar dos empregados. Por que? Porque isso é crítico para o sucesso dos negócios. Foi a reunião mais VIP que participei. Uma pequena sala com apenas 20 pessoas e eu me sentei a um metro da CEO da Thrive Global. A força desta grega que já foi da direita pra esquerda, que conservou o sobrenome de seu ex-marido Michael Huffington, quando se divorciou após ele revelar à imprensa sua bissexualidade – da qual Arianna tinha total conhecimento -, é notável.

Selfie de Beia Carvalho e Arianna Huffington
Arianna Huffington explicando como engajar crianças e adolescentes a "colocar os celulares e tablets pra dormir", para que se desconectem durante a noite.

A melhor palestra que assisti

Patricia Fletcher me encantou com a sua pesquisa, “Elimine os Vieses das Decisões de Recursos Humanos”. Você sabia que sobre qualquer pessoa, a qualquer momento pesam 150 vieses? E que ao entrevistar um candidato os principais são aqueles que a gente menos acha importantes: nome, foto e local. Loucura, não é? Exatamente quando todos estão se matando para atrair, escolher e reter os melhores “objetivamente”, nossas decisões são traídas por vieses presentes a todo momento em nossas decisões. E a gente nem imaginava que eram vieses! E é exatamente aí que a tecnologia pode desenviesar tudo e trazer luz e produtividade para o ambiente empresarial.

E foi muito especial ver tantas mulheres em postos tão altos na indústria de tecnologia: Diane Greene, membro do Conselho da Alphabet, falando da parceria Google/SAP, considerada uma das pessoas mais inteligentes do circuito, e que está quebrando tudo na GoogleMala Anand, president SAP Leonardo; Diane Bryant, Intel e Jennifer Morgan, Presidente da SAP NorthAmerica.

Stand no SAPPHIRE NOW que explorou The Leonardo Experience.

Frases que não vou esquecer:

Transformação digital não é um projeto de TI é do CEO. Digital transformation is not an IT project but a CEO project. Bill McDermott, CEO Global SAP.

150 vieses estão presentes a todo momento em nossas decisões. Patricia Fletcher

80% de todos os processos de negócios serão totalmente automatizados nos próximos 3 anos. 80% of all business process will be fully automated in 3 years time. Bernd Leukert

72% dos CEOs acreditam que os próximos 3 anos serão mais críticos para a indústria que os últimos 50 anos. Mas só 5% transformaram o Digital numa Vantagem Competitiva.

Leonardo não é um sistema, uma plataforma, nós podemos construir um sistema com Leonardo. Leonardo is not a system, not a platform, we can build systems with Leonardo. Hasso Plattner

Pra trabalhar com a gente, nossos clientes tem que ter um pouco de fantasia. To work with us our clients have to have some fantasy. Hasso Plattner

Este é o momento em que saber não é mais suficiente, nós agora enfrentamos a urgência do fazer. This is a moment when knowing is no longer enough, we now face the urgency of doing. Bill McDermott.

SAP é a primeira multinacional de tecnologia a receber o Certificado Global de Igualdade de Gênero. Bill McDermott.

BlockChain by Hasso: Pegue um objeto digital e coloque um hashCode nele e onde quer que ele viaje você poderá identificá-lo. BlockChain: Take a digital object and put a hashCode on it and wherever it travels you can identify it. Hasso Plattner.

Em primeiro lugar, nós temos que fazer juntos. First of all, we have to do it together. Hasso Plattner, co-fundador da SAP e membro do conselho.

Compare essa frase do Hasso com meu podcast pra SAP, em abril deste ano.

"Vamos deixar de fazer coisas para as novas gerações e vamos fazer juinto com elas"- Beia Carvalho, no podcast pra SAP, abril, 2017.

Podemos construir uma nova civilização digital que garanta oportunidades para todos e não para apenas alguns. We can build a new digital civilization that ensures opportunities for all people and not just some of the people. Bill McDermott, CEO SAP.

Compare essa frase do Bill com este meu vídeo de 2015, numa das 50 Dicas do Futuro. Sincronia.

Futurar é aprender a caminhar por círculos virtuosos, aqueles que pensam em todos os seres humanos, e não apenas em alguns.

E aqui está o vídeo com o keynote inteiro do CEO Bill McDermott. Para mais vídeos do Sapphire Now acessa a SAP TV.

Sapphire 2017: Keynote de Bill McDermott, CEO da SAP e seus convidados

FUTURAR PARA FATURAR

Temos que olhar para o futuro e separar o que é estratégico, do que é tático. E muita gente tem muita dificuldade em separar uma coisa da outra. Principalmente, quando são liderados por chefes e não por líderes. Temos que separar também o que já é presente do que está virando mainstream. O que ainda é emergente e o que ainda vai emergir.

Com quem você vai fazer isso?

Com quem pensa negócios estrategicamente. Pode ser seu sócio, pode não ser. Mas você precisa disso: pensar na Renascença Digital. Adorei esse termo!

Corra, porque num mundo de mudanças exponenciais, o que ainda irá emergir pode dar um salto bem agora na sua frente.

Foi nesse momento, na Roda Gigante a 122 m de altura, que recebi a notícia da delação do Joesley da JBS. (Orlando Eye) . Com Paula Jacomo, Head of Human Resources, SAP.

E como ninguém é de ferro, o show de encerramento foi da banda MUSE. Diversão garantida. É aquela banda que se você nunca ouviu, quando ouve, acha que já ouviu. E muito muito visual effects.


Comentários

Nenhum comentário


Comentar:

Você pode usar tags e atributos HTML