As Conquistas das Mulheres — Beia Carvalho — Palestras

Quer ficar por dentro do futuro? Fácil. Deixe seu email e receba os super artigos da Futurista Beia Carvalho 😉

 
26 de fevereiro de 2018

O Mês das Mulheres

Palestrante Beia Carvalho é a sua Mulher para o Mês das Mulheres com a palestra "Conquistas das Mulheres através das Gerações"

Pense em Marie Curie, a única pessoa a receber 2 Prêmios Nobel em áreas científicas diferentes.

Mas se dependêssemos dos discursos melados das comemorações do Dia da Mulher, a cientista teria passado para a história como “mãe e esposa, santa, pura como uma rosa, o esteio da família”.

Marie Curie foi a única pessoa a receber 2 Prêmios Nobel em áreas científicas diferentes.

Ser Mulher na cabeça de muitos homens e mulheres é: ser casada, ter filhos e ter um lar para cuidar. E nunca, jamais, desistir de tudo isso! Será por falta de exemplos? Acho que não. Não temos muitos, mas são representativos os exemplos de solteiras-não-mães-e-de-peso: Oprah Winfrey, Chanel, Madre Teresa, Diane Keaton e Jane Austen.

“O Dia Internacional da Mulher” surge na virada do século XX, no contexto da Segunda Revolução Industrial e da Primeira Guerra Mundial, quando a mão-de-obra feminina é incorporada, em massa, na indústria.”

Mais de 100 anos se passaram e apenas na Olimpíadas de Londres (2012) tivemos mulheres em todas as delegações! Acredita?!

Será que antes de 2100, vamos celebrar a equiparação entre  homens e mulheres, o declínio do feminicídio, da violência sexual contra as mulheres, o fim da discriminação racial e da vileza da intimidação?

 

Tereza Benguela, a Rainha Tereza, liderou o Quilombo de Quariterê e resistiu de 1730 a 1770, com 79 negros e 30 índios.

Um dos belos presentes que podemos deixar para as novas gerações de todos os gêneros são as referências.

Ano passado, esbarrei com esse conteúdo 15 Mulheres que deveríamos ter conhecido na escola, que considero um pontapé inicial, um chacoalhão em todos nós para que enriqueçamos esta lista todos os dias, com mais e mais referências.

Maria Felipa e 40 companheiras seduziram os portugueses com uma surra de cansação, espécie de urtiga.
Princesa Leopoldina chefe interina, assinou a independência do Brasil de Portugal, em 2 setembro 1822.

Vale muito a pena acessar o link e ler cada uma das heroicas histórias destas 15 heroínas esquecidas pela história do Brasil. E que nos deixou órfãs de exemplos tão importantes na formação da auto estima.

Carolina de Jesus, catadora de papeis, tornou-se uma das mais importantes escritoras negras do Brasil.
Leolinda Daltro é precursora do feminismo no Brasil no século 19 e fundou o Partido Republicano Feminino

Essas e outras questões relevantes para todos nós, e em especial para as mulheres, está na palestra sobre as CONQUISTAS DAS MULHERES PELAS GERAÇÕES.

Palestrante Beia Carvalho é a sua Mulher para o Mês das Mulheres

Leve esse poderoso conteúdo para as mulheres de verdade da sua empresa.

Reserve uma data na agenda da palestrante: (11) 99111-3019

Beia Carvalho entende de Gerações, foi executiva e já empreendeu 4 vezes!


Comentários


  1. Vale a pena ler as histórias de cada uma das “15 Mulheres que deveríamos ter conhecido na escola”, neste link: bit.ly/2mz1owv Temos todos esta tarefa pela frente: enriquecer a lista de heroínas com mais e mais referências. Quem você colocaria nessa lista?

    26 de fevereiro de 2018, 21:53
    By: beia


Comentar:

Você pode usar tags e atributos HTML